CONDEMAT+ une esforços para intensificar o combate à dengue

As cidades do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (CONDEMAT+) articulam uma união de esforços para intensificar o combate e prevenção à dengue. De janeiro de 2023 até 20 de janeiro deste ano, de acordo com dados das 14 cidades da área de abrangência do CONDEMAT+, a região notificou 12.015 casos da doença, nos quais 3.061 confirmados e três óbitos contabilizados.
Historicamente, o verão é um período que registra um grande número de casos de dengue, intervalo em que os municípios promovem iniciativas para conter o avanço e disseminação do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue e de outras doenças.
Neste ano, com o aumento dos casos de dengue, as cidades que compõem o CONDEMAT+ tem intensificado uma série de ações de enfrentamento como visitas para inspeção de imóveis, eliminação de possíveis focos do inseto, campanhas de conscientização da população, levantamento dos principais pontos de concentração do Aedes aegypti e nebulizações em situações pontuais. O consórcio tem mantido contato direto para monitorar a situação e concentra esforços, ainda, em articulações conjuntas e no intercâmbio de experiências bem-sucedidas.
A dengue é uma doença que causa febre, dor de cabeça e dores nas articulações, e em casos mais graves pode evoluir para morte. Na área do CONDEMAT+ dos três óbitos registrados, dois foram em Guarulhos e um em Poá.
De acordo com a coordenadora da Câmara Técnica (CT) de Saúde do CONDEMAT+, Adriana Martins, secretária de Saúde de Guararema, uma das principais ações contra a dengue são os cuidados preventivos. Estudos apontam que 75% dos focos do mosquito estão dentro das residências. “Esse dado é muito importante, pois mesmo aos fins de semana, as equipes têm encontrado os imóveis fechados. As ações estão sendo reforçadas pelas administrações municipais e é importante também manter os cuidados dentro de casa, olhando os possíveis criadouros do mosquito como vasos de plantas, ralos e potes que acumulem água”, reforçou.
Ao longo das últimas décadas, o País criou uma série de estratégias para combater o Aedes aegypti, além da eliminação de possíveis criadouros, o uso de repelentes e a instalação de telas nas janelas são algumas das medidas recomendadas. Neste ano, o Ministério da Saúde anunciou uma importante ferramenta na luta contra a dengue, a vacina representa uma aliada para prevenir a doença.
Onze municípios do CONDEMAT+ foram selecionados para receber as primeiras doses da vacina de dengue entre 521 cidades de 16 estados brasileiros, além do Distrito Federal, segundo divulgação do Ministério da Saúde. As cidades atendidas serão: Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano.
No entanto, até o momento o Governo Federal não enviou orientações para a campanha de vacinação contra a dengue, em especial sobre o quantitativo de vacinas por cidade e o cronograma de disponibilização/remessa dos imunizantes, tendo em vista que é prevista a aplicação de duas doses por pessoa.
“Mesmo que a vacina venha em um prazo próximo, ela não vai ser a estratégia mais importante de combate à dengue, que continua sendo as ações em conjunto de eliminação dos criadouros e as pessoas, assim que tiverem algum sintoma, procurarem um serviço de saúde”, reforçou a coordenadora da CT de Saúde.

Compartilhar

Mais notícias

Em um ano, Itaquá investe R$ 65 milhões em obras em 12 regiões

A Secretaria de Obras de Itaquaquecetuba divulgou, nesta semana, um balanço que apresenta os trabalhos realizados ao longo de 2023. […]

PM de Arujá liberta caminhoneiro e recupera caminhão roubado em Minas

Na madrugada de ontem (07), uma denúncia levou a Polícia Militar de Arujá a por fim ao sequestro de um […]

Pré-candidato a deputado federal, Vinicius Marchese cumpre agenda em Arujá

Presidente licenciado do CREA-SP (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo) e pré-candidato a deputado federal […]

Eleição para Conselho Tutelar de Arujá 2023 tem resultado preliminar divulgado

Os cinco candidatos mais votados de Arujá. Da direita para a esquerda – Silandra Maria da Silva Santos; Cássia Domingos […]