CREA-SP pode ter primeira mulher eleita na presidência; profissionais de Arujá podem decidir pleito

Na próxima sexta-feira (17) marcará a eleição para a diretoria do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP). A votação das eleições de 2023 do Sistema Confea/Crea e Mútua ocorrerá de forma online, das 8h às 19h, através do site www.votaconfea.com.br. Todo profissional registrado e em dia com o Conselho terá direito ao eleitor.
De acordo com Glauton Machado Barbosa, presidente da AAEAR (Associação de Engenheiros e Agrônomos de Arujá), Arujá, que conta com mais de 450 profissionais registrados na autarquia e aptos a votar, pode ter um papel decisivo neste pleito.
O Sistema Confea/Crea e Mútua é composto pelo Conselho Federal de Engenharia e Agronomia, pelos Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia de cada Estado e pela Caixa de Assistência dos Profissionais dos Creas. “A participação dos profissionais de nossa região é fundamental. Precisamos escolher cuidadosamente quem vai dirigir nossas entidades nos próximos anos”, explica Glauton Barbosa, Engenheiro Mecânico.
Pela primeira vez na história do Crea-SP, que completa 90 anos, uma mulher tem chances reais de chegar à presidência da entidade. A engenheira Lígia Marta Mackey é atual vice-presidente e já ocupou o cargo por seis meses em 2022, cobrindo a licença do presidente Vinicius Marchese.
A proposta da candidatura é a continuidade do trabalho focado em inovação. “Tivemos avanços significativos na área tecnológica graças ao engajamento dos profissionais e ao protagonismo do Crea-SP, que tem indicado um ritmo de inovação e mudança nos últimos anos. Nossa proposta é dar continuidade a esse legado fortalecendo o que temos de mais singular, que é o profissional: engenheiro, agrônomo, geocientista e tecnólogo”, afirma Lígia.
Além de vice-presidente do Crea-SP, ela já foi presidente da AERC (Associação de Engenharia, Arquitetura, Agronomia e Geologia de Rio Claro) por dois mandatos, coordenadora da UNABAM (União das Associações de Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos da Baixa e Média Mogiana) e diretora de Entidades de Classe do Conselho. “O associativismo sempre fez parte da minha carreira, mas eu só pude entender mesmo o potencial desse ecossistema quando entrei para o Crea-SP e vi o quanto podemos apoiar os profissionais e a sociedade em seus processos de desenvolvimento”, completa.

Compartilhar

Mais notícias

Domingo é Dia D de Multivacinação: gripe, Covid-19 e atualização vacinal

Das 8h às 15h deste domingo (04), vacine-se contra a gripe e a Covid-19, além de fazer a atualização vacinal […]

Arujá é referência ao ser escolhida pelo Governo do Estado por projeto referência do Fundo Social de Solidariedade

O Fundo Social de Solidariedade de Arujá obteve uma importante conquista no último dia 11 quando sua presidente, Clau Camargo, […]

Arujá sedia 37ª edição do Torneio Acrilex; Beisebol de Mogi foi campeão da Chave Ouro

Nos dias 24 e 25 de junho, a categoria pré-infantil (atletas de até 10 anos) do Bunkyo Mogi Beisebol conquistou […]

Jordanópolis abrigará segundo parque municipal da cidade

Uma área de 17.297,02 metros quadrados (m²), na Av. Nossa Senhora da Penha, no Jordanópolis, começa a passar pela metamorfose […]