Arujá terá Hospital Geral, anuncia prefeito Camargo

Na manhã da última segunda-feira (30), foi assinada pelo prefeito Luís Camargo, o Dr. Camargo, a Ordem de Serviço que marca o início da construção do Hospital Geral de Arujá. As obras começaram na terça-feira (31) com o estudo do solo para a realização de serviços de terraplenagem e implantação da fundação.
O Gospital ficará localizado na Rua Major Benjamin Franco, esquina com a Avenida Renova dos Santos, em local estratégico, perto da Rodovia Presidente Dutra, o que facilitará o deslocamento para o atendimento de emergências. A unidade de saúde contará com 80 leitos e atenderá especialidades como Neurocirurgia, Ortopedia e Clínica Geral, entre outras. Além disso, haverá leitos de UTI adulta e pediátrica, disgnóstico de imagem, Análises Clínicas e ambulatório.
A obra, considerada de grande porte, contará com cinco pavimentos, incluindo o térreo, com uma área construída de 10.673,07 m² em um terreno com uma área total de 9.490,77 m². A Multisul, empresa que executará a obra, gerará, durante o decorrer da obra, cerca de 500 empregos indiretos, com mão de obra arujaense.
A Ordem de Serviço foi assinada ao lado do secretário estadual de Turismo, Roberto de Lucena, que, na oportunidade em que auxiliou na conquista da verba necessária para a construção, era deputado federal.

Clima de muita emoção
Muito emocionado, o prefeito Luís Camargo, Dr. Camargo, relembrou dos primeiros dias de governo, quando realizou seu 1º ato como chefe do Executivo Municipal. “Foi logo nos primeiros dias de janeiro, quando assumi a Prefeitura, que assinei a requisição solicitando a abertura da licitação para a elaboração do projeto executivo do Hospital Geral de Arujá. Sou uma pessoa que costuma sonhar com aquilo que quero realizar, mas esse sonho que não é só meu, mas da população arujaense, é um sonho que há muito tempo sonhamos acordados e hoje é o dia que ele começa a ser realizado”.
O presidente da Câmara Municipal, Abelzinho, enalteceu os feitos da gestão Camargo e ressaltou o apoio fundamental do Legislativo em conjunto, objetivando sempre a melhoria da qualidade de vida dos munícipes. “O papel dos deputados que vieram a este evento e também daqueles que sempre têm nos auxiliado é essencial”.
O secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Roberto de Lucena, ficou igualmente comovido ao lembrar do dia em que soube da liberação da verba para a construção do Hospital em Arujá e disse que, na ocasião, pensou muito no pai dele, já falecido, que, inclusive, dará nome ao hospital, conforme anunciou o prefeito Dr. Camargo. “Não me arrependo de ter acreditado nesta gestão desde o seu início e fico bastante tocado ao saber que pude contribuir com a realização deste sonho e que, graças a Deus, foi possível eu estar aqui hoje, juntamente com a Prefeitura e a Câmara, participando deste momento histórico na nossa cidade”.
O secretário municipal de Saúde, Leonardo Reis, explicou os detalhes técnicos da obra, agradeceu a confiança do Executivo em seu trabalho, bem como ao suporte diário de seus secretários-adjuntos, Danilo da Silva e Clóvis Hatiw Lu, e de toda a equipe da Pasta. Além dele, estiverem presentes a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Clau Camargo, o vice-prefeito Betinho e esposa Aline Daniel, os secretários municipais de Obras, Bruno Hikari; de Planejamento, Marco Valdanha; e demais secretários municipais, representantes do Conselho Municipal de Saúde, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do comércio, das indústrias, Corpo de Bombeiros, Guarda Civil Municipal (GCM) e Polícia Militar, servidores e os vereadores Paulinho Maiolino, Reynaldinho, Genilson Moto, Vinícius Pateta, Jean da Padaria, João Luiz, Luiz Fernando, Cris do Barreto, Renan de Arujá, Uelton Almeida e Pastor Samoel Maia.
O diretor geral da empresa responsável pela obra (Multisul), Marco Aurélio Sacenti, explicou que a primeira etapa do empreendimento será a de sondagem do solo e terraplenagem e que a previsão de conclusão de todo o prédio é de 36 meses, dependendo das condições climáticas e outras dinâmicas, podendo a entrega ser até antecipada seis meses antes desse prazo, caso tudo corra sem imprevistos.

Compartilhar

Mais notícias

“UBS Barreto nunca teve uma reforma como essa e, em breve, a Prefeitura de Arujá irá entregá-la ampliada e de cara nova”, afirma Camargo

A Prefeitura de Arujá vem realizando a reforma e ampliação da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Barreto e, brevemente, […]

Com o apoio da Prefeitura, a ACEA, AECIA e APIA lançam a Campanha “Comprar em Arujá dá Sorte”

A Associação dos Comerciantes e Empresários de Arujá (ACEA), em conjunto com a Associação das Empresas do Centro Industrial de […]

Legislativo concederá Título de Cidadão Arujaense a diretor-presidente da União de Condôminos

O diretor-presidente da Unicon (União de Condôminos), Cássio Rogério Kineipe da Costa, será agraciado com a maior honraria do Município: […]

Vacina contra a Gripe está disponível para pessoas acima de 6 meses

Desde a última quinta-feira (02), a Prefeitura de Arujá, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, ampliou o público-alvo da […]