CEO da Yellow Imóveis recebe moção de parabenização da Câmara de Arujá

Com a Casa de Leis lotada, a empresária Paula Fernanda, CEO da Yellow Imóveis, recebeu na última segunda-feira (8), a moção de parabenização da Câmara de Arujá. A horária foi proposta pelos vereadores Rafael Laranjeira (Rede) e GCM Uelton (PSDB) e aprovada por unanimidade pelos demais pares.
Paula Fernanda, a mente por trás da imobiliária referência do Alto Tietê, se prepara para lançar franquias e ganhar o Brasil e o exterior. Atuando no ramo há 14 anos, ela fundou a Yellow em 2016 e, para o próximo ano, prevê colocar 250 franquias para comercialização, sendo que duas unidades piloto já tem destino certo: as vizinhas Mogi das Cruzes e Guarulhos. Ainda este ano a empresa deve ganhar um ponto de apoio em Portugal.
“Tem momentos na vida que ou você senta e reclama ou vai para frente, independente de opinião ou preconceito. E foi o que eu fiz”, destaca Paula Fernanda, ao ser questionada se ela imaginava tamanha proporção de seu negócio.
Para o vereador Laranjeira é fundamental para o Legislativo estreitar os laços com a classe empresarial. “Se entendermos as necessidades de quem empreende, poderemos criar políticas públicas de fomento e geração de novos negócios. Isso é bom para quem quer investir, e bom para a cidade, pois impulsiona a geração de emprego e renda e aumenta a arrecadação de tributos”, disse.
Paula Fernanda, por sua vez, ressalta o papel estratégico do setor imobiliário na atração de investimentos para a cidade. “Quando a gente viabiliza a instalação de uma multinacional ou a vinda de um ‘player’ importante para o município, também geramos emprego e renda, o que beneficia a todos”, salientou.
“Arujá é uma cidade próspera, que tem uma visão de futuro e uma visão do que ela representa para a região do Alto Tietê como um todo. São daqui os primeiros condomínios horizontais da América Latina, temos a maior renda ‘per capita’ da região. Há margem para um grande crescimento”, acrescentou a empresária.
Para o vereador GCM Uelton (PSDB) a trajetória de Paula é uma verdadeira “aula de vida”, bastante inspiradora. “Como agente público, eu considero um privilégio para Arujá ter pessoas do setor privado atuando pelo progresso da cidade”, disse.
Hoje a Yellow conta com 40 corretores. Segundo Paula Fernanda, a sua corretora é a primeira do ramo a oferecer escritura e contrato digitais no município.

Compartilhar

Mais notícias

Parque Cidade Natureza Alchimedes Farinelli será inaugurado hoje

Neste sábado (11), a partir das 9h, os arujaenses têm um motivo especial para celebrar. A Prefeitura de Arujá promoverá […]

Neoenergia Elektro entrega nova subestação em Arujá

A Neoenergia Elektro reforçou o sistema elétrico que abastece o município de Arujá ao energizar uma nova subestação na cidade. […]

Prefeitura prorroga Refis e contribuintes terão até 26/02 para quitar dívidas

A Prefeitura de Arujá prorrogou o prazo do Refis – o Programa Especial de Recuperação Fiscal. Com a decisão, contribuintes […]

AEXPO Arujá: sucesso e integração para o desenvolvimento econômico

A primeira edição da AEXPO Arujá, que ocorreu de 8 a 10 de maio, foi um grande sucesso, cumprindo sua […]