Prefeituras recebem equipamentos para reforçar fiscalização em áreas de mananciais

Municípios que fazem parte da Bacia do Alto Tietê receberam tablets e computadores

Prefeituras do CONDEMAT – Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê, que possuem áreas de proteção de mananciais, receberam na última terça-feira (04) novos equipamentos para reforçar as ações de monitoramento e preservação. Os municípios de Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guarulhos, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano receberam dois tablets e um computador cada para otimização do trabalho desenvolvido no setor. Os materiais foram adquiridos com recursos do Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fehidro).
A entrega ocorreu durante a 1ª Oficina dos Grupos de Fiscalização Integrada (GFIs), realizada pela Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística do Estado (SEMIL) na segunda-feira e ontem. Ao longo dos dois dias, representantes dos órgãos atuantes no monitoramento e fiscalização integrada da Região Metropolitana reuniram-se para aprofundamento e consolidação das diretrizes de atuação dos GFI’s em cada Área de Proteção e Recuperação de Mananciais (APRM), que operam nas regiões de Guarapiranga, Alto Juquery, Alto Tietê Cabeceiras e Billings, região Metropolitana de São Paulo.
O prefeito de Salesópolis e presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê, Vanderlon Gomes, representou os municípios da região e recebeu os equipamentos das mãos da secretária estadual, Natália Resende.
“Temos como missão cuidar dos nossos maiores bens que são a água e o ar e precisamos atuar de forma integrada para que este cuidado seja cada vez mais efetivo. Estes novos equipamentos vão fortalecer a atuação das equipes na proteção dos nossos recursos naturais”, disse.
A secretária Natália Resende destacou que além dos equipamentos, as equipes receberam treinamento e capacitação para uma atuação eficaz. “Essa entrega representa uma conquista muito importante para todos os entes envolvidos e, aliada às capacitações permanentes, vai garantir o fortalecimento das ações fiscalizatórias integradas entre municípios e órgãos estaduais”, disse.
De acordo com a SEMIL, no segundo semestre haverá uma nova oficina para os GFI’s e na ocasião serão entregues novos itens para reforçar o trabalho de fiscalização.

Compartilhar

Mais notícias

Eliana Elias recebe Título Honorífico de Cidadã Arujaense

Diante de amigos, familiares e autoridades públicas, Eliana Elias tornou-se a mais nova cidadã arujaense. Com mais de 30 anos […]

Prefeitura de Arujá entregou uma das escolas municipais mais modernas do Brasil

No sábado (20), a Prefeitura de Arujá entregou uma das escolas municipais mais modernas do Brasil, localizada na Alameda dos […]

Prefeitura de Arujá apresenta plano inédito e estratégico de desenvolvimento municipal

A Prefeitura de Arujá entregou à Câmara Municipal, no final da tarde de segunda-feira (15), o Plano Estratégico de Desenvolvimento […]

Abelzinho destina R$ 272,8 mil para reforma da UBS do Jardim Real

O vereador Abelzinho (PL) elegeu a reforma da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Real como prioridade na área […]